top of page

Dicas para os "gateiros" de plantão

A cada dia, mais e mais pessoas se apaixonam pelos felinos, mesmo depois de terem inicialmente desconfiado deles. A fama de ser um animal traiçoeiro é antiga! Mas vêm sendo desmistificada com o passar do tempo. A verdade é que os gatos são fascinantes, companheiros, dóceis e tem muita personalidade.


Para se tornar um verdadeiro 'gateiro', é necessário entender a alma e o comportamento dos felinos. Os gatos são bem mais independentes que os cachorros. E ganhar o amor de um gato é um privilégio, pois esses animais são seletivos em suas afeições.


Não importa se você é um novato na arte de cuidar de gatos ou se já convive com eles há anos, existem informações essenciais que podem melhorar significativamente a qualidade de vida de seus felinos de estimação.


Conheça alguns pontos importantes que todos os tutores de gatos devem saber:


Caixa de Areia: A higiene é fundamental na vida de um gato. Os felinos são super asseados e já nascem sabendo utilizar o espaço certo (na maioria das vezes, rsrsrs).

A quantidade de caixa de areia recomendada quando se tem mais de um gato em caso é uma para cada pet e mais uma extra. Então, se você tem 3 gatinhos, o ideal é disponibilizar 4 caixas e assim por diante. Opte por substratos finos que permitam que os gatos enterrem suas fezes, e mantenha pelo menos cinco centímetros de areia na caixa para permitir que eles realizem seus comportamentos naturais. Outra dica importante é estar atento ao tamanho da caixa, ela deve ser maior que o gato, a fim de proporcionar privacidade ao bichano e evitar muita bagunça. Lembre-se que a higienização da caixa de areia deve ser constante.


Veterinário: Acredite, levar seu gato a um veterinário especializado em felinos faz toda a diferença. Esses profissionais têm uma visão mais focada na espécie e consultórios adaptados para o conforto dos gatos. Realizar check-ups anuais, mesmo quando seu gato parece saudável, ajuda a identificar doenças precocemente.


Alimentação: Gatos são caçadores por natureza, e apesar da ração seca ser conveniente, a alimentação úmida, como os sachês, é mais próxima da dieta natural deles. Além disso, oferecer alimentos úmidos pode ajudar gatos com sobrepeso e aqueles que

não bebem água o suficiente.


Brincadeiras: Suas brincadeiras estão ligadas a comportamentos de caça. Brinquedos que imitam presas, como varinhas com penas ou ratinhos de pelúcia, costumam ser os favoritos. Interaja com seu gato por meio desses brinquedos para estimular seu

instinto de caça. Até uma bolinha de papel pode servir de brinquedo para eles!


“Gatificação”: Transforme seu ambiente em um espaço verticalizado com prateleiras, arranhadores, redes e esconderijos elevados para aumentar o bem-estar e a confiança do seu gato. Gatos se sentem mais seguros em locais altos, então fornecer essas opções em sua casa vai deixá-lo mais à vontade, principalmente quando receber visitas.


Arranhador: Os gatos têm uma necessidade natural de arranhar para afiar suas unhas e marcar território. Ofereça arranhadores de diferentes materiais e posições para atender os instintos do seu gato. Eles adoram caixa de papelão para arranhar e até mesmo se esconderem!


Conheça seu Gato: Cada gato tem sua própria personalidade e necessidades. Respeite a individualidade de cada um e procure aprender mais sobre o comportamento felino, ajudando você a ser um tutor dedicado e a proporcionar uma vida feliz ao seu felino. É possível criar laços únicos com cada um dos seus gatos!


Ter um gato como companheiro é uma jornada fascinante e recompensadora, não é mesmo?

E, lembre-se, não importa se você é um gateiro de longa data ou está apenas começando sua jornada com esses animais incríveis, o que realmente importa é a dedicação diária que você oferece ao seu gato. Então, se você tem amigos ou familiares que são gateiros, compartilhe esse texto com eles. Afinal, a paixão pelos gatos é algo que merece ser compartilhado.

Comments


bottom of page